O presidente do Conselho Regional de Medicina do Tocantins (CRM-TO), Jaci Silverio de Oliveira, recebeu na tarde desta quinta-feira (11), na sede do Conselho Regional de Medicina em Palmas, a visita do procurador da república, Fernando Antônio de Oliveira Junior, para entrega cópias de extrato de recomendação que orienta os profissionais de saúde para que todos os procedimentos eletivos disponíveis na rede hospitalar estadual sejam submetidos ao setor de regulação, para garantir assim o acesso de todos em condições, ordenada e igualitária. O CRM-TO atendendo a parceria solicitada pelo Ministério Público Federal e a Procuradoria da Republica no Estado do Tocantins enviará a todos os médicos inscritos o documento em questão. Durante a visita o procurador da república colocou o MPF a disposição como parceiro, pelo bem da saúde, e disse que em ocasiões de fiscalização do órgão tem observado que “a gestão e a estrutura dos hospitais não dão o mínima dignidade para os profissionais”. O presidente do Conselho fez desabafos, explicou o dia-a-dia do médico e disse que “a saúde não é melhor por causa do caos gerencial” finalizou Silverio.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.