O Conselho Regional de Medicina do Tocantins (CRM-TO) ressalta a importância do Decreto nº 2.003/2021 da Prefeitura Municipal de Palmas publicado no último dia 03/03 que suspendeu as atividades não essenciais e realização de eventos na Capital a partir do dia (06/03), as restrições serão válidas por 10 dias, com a finalidade de diminuir a transmissão do coronavírus na capital.

A entidade afirma que apoia as medidas adotadas, e aproveita para informar a sociedade que manterá suas atividades funcionando pois desenvolve atividades essenciais para o enfrentamento da pandemia, como a inscrição de médicos e estabelecimentos de saúde para o exercício legal da medicina no Estado do Tocantins, além da importante atribuição de fiscalizar a atuação desses profissionais e dos estabelecimentos de saúde.

O Conselho informa ainda que manterá as atividades respeitandotodas as restrições e regras sanitárias impostas pelo Decreto nº 2.003/2021 de Palmas.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.