É com grande pesar que o Conselho Regional de Medicina do Tocantins (CRM-TO) recebeu a notícia da morte do médico, Pedro Caldas, especialista em Reprodução Humana e Ginecologia. O médico estava no Tocantins há quase 10 anos. Deixa esposa e três filhos pequenos. 

Caldas que era médico e atleta, entusiasta da vida pela própria especialidade escolhida, fará muita falta à medicina tocantinense. 

O médico foi vítima de um atropelamento, na manhã do dia 12 de novembro, enquanto treinava, ele ficou internado por mais de um mês e não resistiu.  #ForçaPedro

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.