Foi divulgada nesta segunda-feira (10), em várias redes sociais, mais uma desistência do programa Mais Médicos por um profissional cubano.  Ortélio Jaime Guerra teria abandonado, há pelo menos uma semana, seu posto em Pariquera-Açu, interior de São Paulo.

Na semana passada, a médica cubana Ramona Matos Rodriguez também saiu do programa e pediu asilo no Brasil. Na noite de domingo (9), entidades médicas enviaram à imprensa uma carta onde repudiavam as agressões aos direitos humanos e trabalhistas dos médicos que estão vindo de outros países para o Mais Médicos, especialmente os cubanos.

Guerra teria chegado a postar em seu perfil numa rede social uma mensagem informando que já estaria nos Estados Unidos e que não teria comunicado a partida aos amigos por “questões de segurança”.  Na mensagem de despedida, agradecia as pessoas com quem trabalhou e pedia desculpas pelo português.

(texto copiado do site UOL –  http://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-noticias/redacao/2014/02/10/cubano-desiste-do-mais-medico-em-pariquera-acu-diz-secretario-de-saude.htm). 

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.