A caravana Nacional Crianças Desaparecidas foi um evento proposto pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e Conselhos Regionais para pautar o assunto “Crianças Desaparecidas”, a “Lei 11.599/2005 de Busca Imediata” e a recomendação do CFM aos médicos 04/2014.

No Tocantins, Araguaína, Gurupi e Palmas, foram às cidades que receberam a “Caravana Nacional”. Mais de 250 pessoas foram sensibilizadas no Estado. Médicos, autoridades ligadas ao debate, delegados, professores, estudantes de Direito, medicina, pedagogia, administração contribuíram com o sucesso do evento.

O médico e pediatra José Maria, palestrante em Araguaína, falou da relevância e importância social do tema “o CFM e o CRM-TO estão de parabéns pela iniciativa, o debate é louvável”.

O professor do ITPAC e delegado da policia federal, Helano Medeiros, radicado em Araguaína, também parabenizou o Conselho e alertou os médicos e todos os profissionais para a importância de verificar bem as informações sobre as crianças antes de qualquer denuncia sobre maus tratos e problemas domésticos.

Em Palmas o evento foi prestigiado por estudantes e representantes da Universidade Federal, Ministério Público, Defensoria Pública e Polícia Militar. A promotora de infância e juventude, Zenaide Aparecida Silva, presente na ocasião, falou que o evento é relevante, pois esclareceu e chamou pessoas ao debate “O CRM-TO abriu a oportunidade de se pautar o assunto”.

Em Gurupi o palestrante foi o assessor jurídico do CRM-TO, Wesley Monteiro de Castro Neri. Em Palmas o evento foi no dia 25 de maio – Dia Internacional das Crianças Desaparecidas, e quem proferiu a palestra foi o pediatra e médico legista Eduardo Braga, também conselheiro e corregedor do CRM-TO.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.