A Câmara Técnica de Medicina do Esporte do Conselho Federal de Medicina (CFM) está elaborando uma cartilha destinada aos médicos, esportistas e profissionais de saúde com explicações sobre substâncias que provocam dopping. Os termos da cartilha foram debatidos em reunião da Câmara Técnica no CFM, ocasião em que também trataram da organização do IV Fórum de Medicina do Esporte, marcado para o dia 11 de maio.

“Muitos atletas são pegos em exames antidoping porque usaram medicamentos prescritos por médicos que não são do clube e não tinham conhecimento das substâncias proscritas no esporte. Com esta cartilha, vamos explicar o que é dopagem e antidopagem e dar orientações para o uso de medicamentos”, explica o coordenador da Câmara Técnica, Emmanuel Fortes. Para o autor da cartilha, Hésoj Gley Pereira Vital da Silva, ela vai alertar os médicos para, em consultório, sempre perguntar se o paciente é atleta profissional, pois, em caso positivo, nem todos os medicamentos poderão ser receitados. ((CFM)

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.