Rede dos Conselhos de Medicina
CRM-TO alerta médicos sobre divulgação de Black Friday

 

Propaganda de médico em Black Friday pode acarretar instauração de processo 

 

Senhor(a) Médico(a),

 

Este Órgão de Fiscalização Profissional, por meio de seus Departamentos próprios (Corregedoria, Fiscalização e CODAME), tomou conhecimento de que alguns profissionais médicos estão veiculando anúncios de promoção para o período da Black Friday.

 

ALERTAMOS que alguns anúncios desta natureza violam frontalmente o Código de Ética Médica e demais normas que tratam do tema. Por isso o CRM-TO orienta que a divulgação dos preços e valores de consultas e procedimentos são permitidos desde que não venham como forma de estabelecer diferencial na qualidade dos serviços, conforme DESPACHO COJUR N°557/2019. O médico e/ou clínica pode até fazer o anúncio dos valores de consultas, exames e procedimentos realizados, mas ainda é vedado os anúncios sensacionalistas e apelativos. Recomendamos que as publicidade dos preços devam ser realizadas de maneira direta, e sem nenhum apelo comercial desleal aos colegas.

 

Caso haja dúvidas em relação às novas adequações das publicidades médicas, a Comissão de Assuntos Médicos - CODAME, está a disposição para consultas, visando sempre alcançar e zelar pelo perfeito desempenho ético da Medicina.

 

Lembramos que a inobservância das normas ensejará a instauração do devido processo e, por conseguinte, as punições previstas em Lei.

 

Comissão de Divulgação de Assuntos Médicos (CODAME)

Conselho Regional de Medicina do Tocantins (CRM-TO)

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner